Ultrassom Morfológico: o que detecta e qual é a sua precisão?

Como o próprio nome sugere, o aparelho de ultrassonografia funciona com a emissão de ondas sonoras, sendo desta forma, considerado um procedimento seguro e nada invasivo.

Essas ondas emitidas, quando o aparelho de ultrassonografia toca a região abdominal, “desenham” o que existe dentro da barriga da mamãe conforme seus sons vão encontrando ou não material. Esta imagem desenhada, como você deve estar imaginando, é exatamente aquela projetada no monitor durante o exame.

O Ultrassom Morfológico é realizado no primeiro trimestre, entre a 11ª e a 14ª semana, e no segundo, entre a 18ª e a 24ª, e tem o objetivo de avaliar diversas estruturas do feto, por isso leva o nome de morfológico.

Precisão do Ultrassom Morfológico

Na primeira fase, o índice de acerto é de até 70% e na segunda, quando o feto já está bem desenvolvido com os contornos mais definidos, a confiabilidade da Ultrassonografia Morfológica chega a 90%.

O que detecta o Ultrassom Morfológico?

O exame é utilizado para detectar possíveis alterações congênitas, como a malformação do cérebro e a hidrocefalia (acúmulo de líquido na cavidade craniana), bem como problemas genéticos e cromossômicos, como a Síndrome de Down.

O exame do 1º Trimestre tem a finalidade de datar a gestação com precisão; diagnosticar abortos; avaliar o risco do feto para o desenvolvimento da Síndrome de Down e outras anomalias cromossômicas; diagnosticar casos de gestação múltipla (gemelaridade) e identificar bebês que têm uma chance maior de apresentar malformações cardíacas.

Além disso, a Ultrassonografia Morfológica faz uma análise minuciosa da forma de diversos órgãos e partes do corpo do bebê, assim como da estrutura dos sistemas e membros, posição da placenta, quantidade de líquido amniótico e fluxo sanguíneo.

Segundo Trimestre

Já no 2º Trimestre de gestação é a melhor alternativa para avaliar riscos que possam existir durante o parto. Este exame mais detalhado também revela toda a anatomia do bebê, inclusive o sexo; mostra com detalhes todos os seus órgãos internos, evidenciando se há algum problema ou se o desenvolvimento do bebê está indo bem; identifica possíveis malformações, assim como a posição da placenta, a quantidade de líquido amniótico, a posição do cordão umbilical e o fluxo sanguíneo nas artérias.

 

Mamãe, ainda não sabe onde fazer este exame? Agende na Climed a sua Ultrassonografia Morfológica e garanta mais qualidade, segurança e alegria para a chegada do seu bebê!

 

Referência:

https://bebemamae.com/gravidez/ultrassom-morfologico-o-que-detecta-e-o-sua-precisao

www.clinicamedicaclimed.com.br

WhatsApp chat